Uma jovem indiana, identificada com as iniciais NA, acabou enfrentando um grande risco ao se casar com o namorado que conheceu na internet.

Nas conversas iniciais, ele contou ser cirurgião e empresário nos Estados Unidos. Os dois se casaram poucos meses depois, mas, como o golpista, identificado pelas iniciais AA, não possuía documentos aceitos na Índia, eles fizeram uma cerimônia religiosa reconhecida apenas pelo Islã.

Casal foi morar na casa dos pais da jovem

O casal foi morar na casa dos pais da jovem, que começaram a desconfiar dos recorrentes pedidos de dinheiro. Diante disso, AA levou NA para outro lugar, onde a mantinha em cárcere privado e administrava seu dinheiro. 

Suspeitando que algo estava errado, os pais de NA denunciaram o desaparecimento da filha à polícia. Não demorou para o casal ser encontrado e, AA, levado sob custódia. Na delegacia, durante o interrogatório, os policiais descobriram que AA não existia, e que, na verdade, era uma mulher

NA revelou que o casamento durou 10 meses, e alertou as pessoas sobre os perigos de se relacionar com alguém na internet. Internautas questionaram como ela não percebeu se tratar de uma mulher. Ela, então, revelou ser vendada e ficar no escuro durante os momentos íntimos.

Golpista deu prejuízo de R$ 100 mil

A família da jovem chegou a perder mais de 100 mil reais durante o casamento. O caso ainda está em investigação e a golpista deve ser julgada por uma série de crimes.

“>Continue Lendo

By admin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *